• EXTINÇÃO DO PODER FAMILIAR:

I – pela morte dos pais ou do filho;

II – pela emancipação, nos termos do art. 5o, parágrafo único;

III – pela maioridade;

IV – pela adoção;

V – por decisão judicial que decretar a perda do Poder Familiar, na forma do artigo 1.638 do Código Civil.